O melhor asana pra você

Você já pensou em qual seria o melhor asana pra você praticar?
Aquele que você deveria praticar diariamente, com a mais pura intenção de transmutar-se?

Todos nós temos nossas preferências, em todos os departamentos da vida, e não seria diferente com yoga.
Existe um asana(postura) ou mais que gostamos muito de fazer, e existem aqueles que evitamos, e essas escolhas em geral têm relação com a maneira como gostamos de viver a vida.
Pessoas muito competitivas, agitadas e dinâmicas, preferem os asanas mais desafiadores, como as invertidas por exemplo, e adoram vencer seus limites, e sempre, vencer os limites alheios também.
Pessoas mais tranquilas, lentas e calmas, gostam mesmo de relaxar nas suas aulas de yoga. Nenhum esforço faz sentido para este tipo de praticante.

Entendam que nada há de errado em escolher os asanas que mais gostamos na hora de praticar yoga. Mas isso é como ir à um banquete com as mais inusitadas comidas, e escolher só o que você já sabe que gosta de comer, por que já tem suas preferências.
O banquete é servido pra que você experimente um sabor novo, a nova textura de um alimento desconhecido, para que você conheça uma nova maneira de preparar o alimento.
O Yoga é oferecido para que você experimente algo novo, ou uma nova sensação, e faça as coisas de uma maneira diferente daquilo que está habituado a fazer, como se fosse a única escolha possível.
O Yoga é um veiculo de transformação do estado de consciência, e consequente evolução.

Eu gosto muito das invertidas. Sou pitta, sob signo de Aries, e com um Marte bem forte, adoro os desafios, e a força, e a determinação, e a coragem.
Mas eu descobri ao longo dos anos dedicados ao yoga, que o melhor asana para mim é BALASANA – Postura da criança ou do bebê.

Como eu descobri que esse é o melhor asana pra mim?
Observando profundamente as transformações que ele me proporcionava. A intensa sensação de pausa, de descanso, de não estar no controle, de entrega, e especialmente a misteriosa sensação de devoção que este asana me traz, fazem dele o asana perfeito para contrapôr tudo aquilo que eu já sei fazer naturalmente: ser forte, determinada, corajosa e controlar as situações.

Em BALASANA e as vezes SAVASANA, eu aprendi a entregar, e confiar, que as coisas são como devem ser, e que eu posso usar toda minha força e coragem para ser uma pessoa melhor a cada respiração, mas, não posso mudar o mundo.
Eu aprendi a lidar com a ansiedade de quem deseja realizar muitas coisas.
Aprendi a lidar com os medos de não conseguir.
Aprendi a lidar com a frustração.
Aprendi que nada disso é eterno.
Aprendi que eu posso ser tudo isso ao mesmo tempo, e que eu posso experimentar e deliciar-me com a agitação e dinâmica da vida que eu tanto gosto, e com a pausa e descanso necessários, que agora eu sei desfrutar.
Aprendi que o bom da vida é experienciar todas estas facetas deste plano físico, sem desejar ilusoriamente, ser somente uma destas facetas.

Entenda sua prática de Hatha Yoga, e encontre o melhor asana para você!

Namastê!!!

 

 

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *