Sonho ou ambição?

Esta semana começou um pouco corrida, com alguns afazeres fora da rotina e isso comprometeu todo o meu esquema organizacional estabelecido.
Mas, vamos lá…tentando não estressar ‘demais’ e buscando dar um jeitinho nas coisas.

Minha rotina de escrever, e publicar minhas mensagens e textos foi destruída por essa correria da segunda feira pela manhã. Mas, não é possível que eu não consiga driblar uma situação e criar uma realidade nova.
Com bastante atraso no meu ‘esquema organizacional’ sentei-me em frente ao computador pra finalizar um texto que já estava começado, com o título “Sonho ou ambição”. As ideias foram se completando, e eu conclui meu texto depois de aproximadamente uma hora.

Escolhi uma imagem que representasse ‘O voo de Ícaro’, adicionei a imagem já preparada, e um dos comandos da página do meu blog não respondia. Tentei várias vezes entrar com as tags e nenhuma funcionou.
Olha a cena: texto concluído, imagem anexada, e o botão de adicionar tags não responde. Salvei o texto como rascunho e fechei a página do meu blog, para reabrir e tentar concluir. Do nada apareceu aqui na tela do computador uma janelinha com a seguinte mensagem: sua sessão expirou, insira login….ou algo assim.

Claro, evidente, lógico…que eu nem li direito essa mensagem e fechei.
Abri novamente meu blog e para minha surpresa, meu rascunho do texto estava exatamente como eu o havia deixado ontem…(não tem emotions aqui pra colocar aquela carinha de espanto, com as duas mãos nas bochechas).
Meu texto finalizado não estava salvo.
Lembro-me de ter dito de imediato algumas palavras que não vem ao caso descrever. Vou transcrever o que poder ser transcrito: – NÃO ACREDITO QUE FIZ ISSO? AGORA VAI FICAR SEM TEXTO ESSA SEMANA, E VAMOS VER SE POSSO SER FELIZ ASSIM?!

Brava né??? Só que não.
Dez minutos depois, estava eu sentada em frente ao computador, tentando passar pra vocês a percepção que tive deste fato:  escrever é algo que me realiza, e no texto que ‘perdi’, escrevi sobre o que são os sonhos de verdade. Sonhos tem a ver com o desejo de realizar o meu melhor no mundo, e então escrever um novo texto seria como enfrentar os desafios da vida cotidiana na busca pela realização do meu sonho. O sonho de me realizar.

Como o título já diz “Sonho ou ambição?”, eu havia feito no texto perdido, um paralelo entre a imagem negativa da ambição, refletida no sonhar, e como isso nos distancia dos sonhos. Confundimos sonhar com ambicionar, e os sonhos tornaram-se negativos. E nos acomodamos numa falsa pureza.
E não estaria eu agora, ao insistir em escrever o texto, ambicionando algo?
Pode ser. Mas, considerando que é muito maior em mim o desejo de realizar o que tenho de melhor,  e quando escrevo sinto-me ofertando algo que em mim é bom, decidi que não estava ambicionando nada e escrevi um novo texto.

Na real. Ambiciono sim.
Tenho a ambição de não cometer erros já cometidos.
Tenho a ambição de aceitar toda e qualquer diferença.
Tenho a ambição de aprender algo novo todo dia.
Tenho a ambição de não parar de sonhar, e de jamais desistir de um sonho.

O texto ficou completamente diferente, mas meu sonho está realizado.

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *